Caraguatatuba promove conferência de encerramento da Campanha “Julho Amarelo”

Caraguatatuba – No próximo dia sexta-feira (28), às 18h, a Administração Municipal de Caraguatatuba irá promover uma conferência de encerramento para a Campanha “Julho Amarelo”. O evento será realizado no auditório da Fundação Cultural e Artística de Caraguatatuba (Fundacc), no centro da cidade. A especialista em doenças infecciosas Dra. Natalia Bacellar, da Unidade de Atendimento a Doenças Infecciosas e Contagiosas (UADI), ministrará a conferência com o tema principal sendo a hepatite viral.

Durante o encontro, serão abordados assuntos relevantes sobre a hepatite viral, como definição, grupos de risco, métodos de identificação, formas de transmissão e medidas preventivas. A Dra. Natalia Bacellar também apresentará dados sobre os casos de hepatite viral em Caraguatatuba.

A conferência tem como objetivo promover conhecimento sobre o assunto e incentivar a excelência nos serviços de saúde. Profissionais da saúde, estudantes e interessados no tema estão convidados para participar do evento.

A campanha Julho Amarelo busca fortalecer as atividades de vigilância, prevenção e controle da hepatite viral. Essa doença é caracterizada pela inflamação do fígado e pode ser causada por vírus, uso inadequado de medicamentos, consumo excessivo de álcool ou substâncias ilícitas, bem como por doenças autoimunes, metabólicas ou genéticas.

É importante destacar que a hepatite viral nem sempre apresenta sintomas, mas quando surgem, podem incluir fadiga, febre, mal-estar geral, tontura, náusea, vômito, dor abdominal, icterícia na pele e nos olhos, urina escura e fezes claras. Por isso, é fundamental buscar auxílio adequado e realizar exames para um diagnóstico preciso.

A UADI oferece serviços gratuitos de testes rápidos para detecção de HIV/AIDS, hepatites B e C e sífilis para pessoas com mais de 12 anos. Em caso de resultado positivo, é iniciado um tratamento imediato com medicamentos antirretrovirais. Além disso, os pacientes têm acesso a atendimento médico especializado, suporte psicológico, assistência social, nutricional e enfermagem.

A conferência será realizada na Fundacc, localizada na Rua Santa Cruz 396, no centro de Caraguatatuba. Para mais informações sobre o evento, entre em contato pelo telefone da UADI: 3883-1373. Não perca essa oportunidade de aprender mais sobre um tema tão relevante para a saúde pública. Participe!

Data e horário Local Tema
Sexta-feira (28), às 18h Auditório da Fundação Cultural e Artística de Caraguatatuba (Fundacc) Conferência de encerramento da Campanha “Julho Amarelo” – Hepatite Viral

A Administração Municipal de Caraguatatuba irá promover uma conferência de encerramento para a Campanha “Julho Amarelo” no próximo dia sexta-feira (28), às 18h. O evento será realizado no auditório da Fundação Cultural e Artística de Caraguatatuba (Fundacc). A conferência será ministrada pela especialista em doenças infecciosas Dra. Natalia Bacellar e terá como tema principal a hepatite viral.

Durante o encontro, serão abordados assuntos relevantes sobre a hepatite viral, tais como: definição da doença, grupos de pessoas afetadas, métodos de identificação, formas de transmissão e medidas preventivas. A Dra. Natalia Bacellar também apresentará dados sobre os casos de hepatite viral no município.

A conferência tem o intuito de promover conhecimento sobre o assunto e incentivar a excelência nos serviços prestados na área da saúde. Profissionais da saúde, estudantes e interessados no tema estão convidados para participar do evento.

A campanha Julho Amarelo busca fortalecer as atividades de vigilância, prevenção e controle da hepatite viral. Essa doença é caracterizada pela inflamação do fígado e pode ser causada por vírus, uso inadequado de medicamentos, consumo excessivo de álcool ou substâncias ilícitas, bem como por doenças autoimunes, metabólicas ou genéticas.

É importante ressaltar que nem sempre a hepatite viral apresenta sintomas. No entanto, quando eles surgem, podem ser percebidos através de fadiga, febre, mal-estar geral, tontura, náusea, vômito, dor abdominal, icterícia na pele e nos olhos, urina escura e fezes claras. Por isso, é fundamental buscar o auxílio adequado e realizar exames para um diagnóstico preciso.

A UADI oferece serviços gratuitos de testes rápidos para detecção do vírus HIV/AIDS, hepatites B e C e sífilis para pessoas com mais de 12 anos. Caso o resultado seja positivo para qualquer uma dessas doenças, é iniciado imediatamente um tratamento com medicamentos antirretrovirais. Além disso, os pacientes têm acesso a atendimento médico especializado por parte de profissionais da área de doenças infecciosas, assim como suporte psicológico, assistência social, nutricional e enfermagem.

A Fundacc está localizada na Rua Santa Cruz 396 – Centro. Para obter mais informações sobre a conferência, entre em contato pelo telefone da UADI: 3883-1373. Não perca essa oportunidade de aprender mais sobre um tema tão relevante para a saúde pública. Participe!

Com informações do site G1.

Categorizado em: