Bebê engasgado é resgatado por agentes da GCM em Caraguatatuba

Um bebê com um ano e nove meses foi resgatado na quinta-feira (27) por agentes da Guarda Civil Municipal (GCM) de Caraguatatuba, município localizado no litoral norte de São Paulo. O incidente ocorreu durante uma patrulha escolar nas proximidades de uma escola no bairro Perequê Mirim, região sul da cidade. Os pais desesperados pediram ajuda aos agentes quando perceberam que a criança estava engasgada com um doce e já havia perdido a consciência.

O engasgo é uma condição séria que pode resultar em asfixia e inconsciência. Nesses casos, agir rapidamente é essencial para evitar complicações. Os agentes da GCM foram fundamentais ao aplicarem a Manobra de Heimlich, um procedimento utilizado para desobstruir as vias respiratórias bloqueadas por alimentos ou objetos.

O oficial Wagner Freitas foi o primeiro a socorrer o bebê, realizando a Manobra de Heimlich por cerca de quatro minutos angustiantes. Ele agiu instintivamente, colocando em prática os conhecimentos adquiridos durante seu treinamento em primeiros socorros. Em meio à aflição, ele também fez uma prece para que Deus salvasse aquele bebê. Felizmente, o pequeno começou a reagir e foi transferido para o veículo policial, onde seu colega continuou com os procedimentos antes de levá-lo à Unidade de Pronto Atendimento (UPA).

Tanto Wagner Freitas quanto Igor Almeida destacaram a importância do treinamento recebido em São José dos Campos. Eles expressaram sua gratidão por terem conseguido salvar a vida do bebê e reconheceram que foi uma experiência extremamente gratificante presenciar sua recuperação.

O comandante da GCM, tenente PM Cláudio Dias, elogiou o desempenho da equipe e ressaltou a constante busca pela melhoria dos agentes. A GCM realiza diversos treinamentos que abrangem desde tarefas policiais até resgates, visando capacitar tecnicamente seus membros. Essa dedicação em buscar aprimoramento é o que permite à equipe salvar vidas, como ocorreu nesse caso.

O incidente serve de alerta para a importância de saber agir em situações de emergência, como engasgos. O conhecimento de técnicas básicas de primeiros socorros pode fazer a diferença entre a vida e a morte. É essencial estar preparado e receber treinamento adequado para agir eficientemente diante dessas situações. A atuação rápida e precisa dos agentes da GCM em Caraguatatuba é um exemplo claro disso.

Data Local Fatos Importantes
27/05/2021 Caraguatatuba, São Paulo – Bebê de 1 ano e 9 meses resgatado pela GCM
– Engasgou com um doce e perdeu a consciência
– Pais pediram ajuda aos agentes
– Aplicação da Manobra de Heimlich
– Oficial Wagner Freitas foi responsável pelo socorro
– Realização de prece durante o procedimento
– Transferência para a UPA após recuperação
– Importância do treinamento em primeiros socorros
– Reconhecimento do desempenho da equipe da GCM
– Alerta sobre a importância de saber agir em emergências

Com informações do site G1

Categorizado em: